domingo, 22 de março de 2015

 
A JORNADA– Erin E. Moulton
 A história de quatro irmãs e uma viagem inacreditável.
Este mês li este livro que parecia ser muito bobinho. Um livro para crianças. Mas  o escritor conseguiu me cativar. No fim descobrir que na verdade  a mulher que realiza milagres poderia ser Nossa Senhora  e a lenda que coloquei aqui na íntegra deveria ser contada na catequese mostrando  que quando se acredita , quando se tem fé, o milagre acontece mesmo que as vezes parece que está acontecendo  tudo errado.
 Um livro delicioso de ler pois a o vocabulário é bem simples!
Vejam o poema e a  lenda!



Descendo do céu em um halo
Sobre a montanha eu vejo
Vem mais perto que eu falo
Da senhora dos desejos
A senhora dos desejos
Sabe bem como ajudar
No meio da tempestade
Recolha a água da fonte
Água para lá do monte
Quando o revés aparece

E vocês se vê perdido
A resposta ela conhece
O sucesso é garantido
Pela força da água e do sol
Mantenha a fronte erguida
Pois, do coração da montanha


Virá seu conselho em seguida
Mar, amor, outra vez amando
Batendo palma e cantando
Meia volta volta e meia.
O circulo vai se formando
Pela força da natureza a cura então acontece
Poderes maiores se juntam
Quando o amor nos fortalece amar e amar, o amor mais puro.


História: Era uma vez, há muito ,muito tempo quando o mundo abrigava tantos humanos quanto espíritos. Havia os espíritos da terra, os espíritos do ar ,os espíritos da água, os espíritos do fogo. E acima de todos eles havia os espíritos de luz. Você ainda pode vê- los hoje em dia, meu amor.. Algumas vezes ao  caminhar pela grama de manhã cedinho você pode ver os espíritos de luz brilhando no orvalho. Espíritos de luz são os que possuem o maior poder de cura.no tempo em que a mulher sábia da montanha era um espírito de luz Ela era forte, com grande poder de cura, ela era parte da aurora boreal. . Mas ela não gostava de morar no céu. Olhava para baixo, para a terra e via as pessoas  que viviam aqui. Percebia que as pessoas sofriam e olhavam para o céu de vez em quando, implorando  por conforto para suas dores, . Ela sabia que  podia abrandar o sofrimento  delas e querias  muito poder ajudar mais . Então depois de  muitos anos,  apenas olhando para  lá de cima, decidiu que já era tempo  de deixar  seu lugar no céu. Então se jogou na floresta da montanha  Green. Foi um passo tão violento que ela e a terra se fundiram  e emergiram como uma torre  de pedra.  Ela sentiu que sua verdadeira essência e seu poder de cura fortaleceram. E por isso verteu lágrimas de alegria. Essas lágrimas foram se acumulando  em um lago abaixo delas. Pouco depois os nativos  e mais tarde os colonizadores a encontraram. Eles descobriram que uma visita  a mulher sábia  poderia cura los de qualquer enfermidade. Por isso passaram a visita- la com freqüência  E ela adorava a companhia deles  e se sentia bem  porque se sentia capaz de ajudar as pessoas. Tudo o que  deve dizer é:
Mulher sábia da montanha,
Tem piedade de mim.
Conceda me este milagre
Pois com alma pura eu vim
Realiza o meu desejo
Eu te peço com fervor
Realiza o meu desejo
Que é feito por amor
Um grande abraço naqueles amigos e amigas que não se esquecem de mim! Com carinho Mônica



sábado, 14 de março de 2015

 

Uma bela surpresa: Encontrei um artigo do meu amigo Francisco



Em outubro de 2014 minhas irmãs foram fazer uma pequena viagem. Trouxeram alguns presentes mas o melhor deles  foi esta revista Visão de 16 a 22 de outubro de 2014. Nela na pág 14 havia um artigo do Embaixador Francisco Seixas da Costa. Li e como sempre: fico orgulhosa  de saber que sua palavra prevalece no seu País.  Um amigo que orgulho de ter, mesmo que a distancia seja tão grande entre Brasil e Portugal .Ainda sonho em conhece-lo e a sua esposa também.
A minha simplicidade e ignorância nunca foi impedimento para ler seus textos obscuros para mim. Mas cheio de esperança. E sempre consigo  visualizar em seus textos a esperança.
Então guardei a revista como um tesouro!
A primeira foto foi simplesmente um equivoco.Um dos meus bordados . Um ponto muito simples mas que me faz ter uma parte do tempo para confeccionar as toalhas de rosto e panos de prato para poder presentear nos aniversários dos meus parentes e amigos.
Continuo  preguiçosa e indecisa em vim aqui.
Mas prezo os amigos que jamais serão esquecidos.
com carinho Monica

domingo, 8 de fevereiro de 2015

 

LIVRO UMA NOITE EM 67 POR RENATO E RICARDO CALIL

UMA NOITE EM 67 – POR RENATO E RICARDO CALIL
OBS: Eu li este livro e fiquei imaginando os festivais. Eu me lembro vagamente dos últimos festivais, acho que na GLOBO. Eu nasci em 1958 e então não me lembro de nada destes festivais. Mas os artistas que foram entrevistados eu conheço todos através de trabalhos futuros e os que eu não sabia eu fui ver na internet. Existe um filme  das entrevistas e é delicioso ver.
Espero que cada um lembre de uma musica de sua preferência. Pois estes primeiros festivais ficaram e continuarão por muito tempo a permanecer porque as musicas vencedoras e aquelas que foram cantadas pelos cantores que estão aí ou já foram pro céu, são eternas. Ninguém as esquece.
Continuo aqui, com saudades mas desanimada para escrever!
Eis o resumo!
ENTREVISTAS COMPLETAS COM OS ARTISTAS QUE MARCARAM A ERA DOS FESTIVAIS
Mas por que aquela noite dura? Em conversas com pessoas eu viveram a época vejo a facilidade com que todos voltam a discutir acaloradamente as suas preferências como se o festival tivesse acontecido ontem. E como se fosse um jogo d e futebol.
Uma noite em 67 deixa que isto continue transparecendo para quem vem depois. Entrevistando a posteriori os diretamente envolvidos nos coloca num tempo e num lugar análogos ao de quem estava exposto ao som e a fúria do momento. A noite e cheia de infernos e céus: a famigerada quebra do violão por Sergio Ricardo a virada de Caetano com alegria alegria as consagrações de Chico com roda viva de Gil com domingo no parque e Edu lobo com ponteio.
Há épocas sem grandes talentos, há épocas em que os talentos não estão visíveis. Aquele foi um momento , talvez o momento, em que os talentos eram muito grandes e estavam muito VISÍVEIS. O espetáculo, mais do que s dos seres espetaculares, era o dos seres especiais. Mesmo que ao preço do delírio, e das vaias, o espaço se abria as diferenças, que ali estavam literalmente postas a premio. Por isso tudo , é um momento inesquecível em si, a noite de 67, mesmo para quem não a viveu,
ELIS REGINA: MOVIMENTOS BRAÇAIS QUE FORAM SUGERIDOS PELO COREOGRAFO Lennie Dale. E O DESDOBRAMENTO PROCEDIMENTO MUSICAL DANDO IDEIA DE QUE A MUSICA ENTRA EM UM NOVO TIPO DE COMPASSO
BETO BOM DE BOLA DE SERGIO RICARDO- a platéia foi injusta com Sergio não o deixou cantar.Ele reagiu atirando o violão na platéia.
EDU LOBO-  tinha uma dupla nacionalidade musical carioca e nordestino em PONTEIO
VANDRE  era uma pessoa passional- de caráter admirável- o desaparecimento dele da cena musical é  essencialmente política.
ROBERTO CARLOS NUNCA IMAGINOU QUE PUDESSE SER VAIADO NA VIDA-
CHICO BUARQUE-  idolatria pelo ser humano pelo filho pelo pai pelo marido por tudo o que ele é
O grande  segredo tanto na programação  como nos artistas esta num binômio: popularidade somada ao prestígio
Costumo dizer que disparada e a musica da minha vida. Minha mãe entrou lá e abraçou todo mundo mas a mãe do Chico me deu um abraço muito tímido. Foi uma emoção ver minha mãe ali em cima do palco.  E hoje eu sei que faço parte da historia da musica popular brasileira graças a Deus sem muita banca. Eu não tenho esse negócio de dizer eu sou o maior porque maior só tem um lá  em cima. Maior é Deus do céu e nada mais.- Jair Rodrigues
Mas de qualquer forma era um pais que vivia sobre a ditadura. Nas artes e nas cultura quase não havia repressão mas havia repressão política no pais. Portanto já havia tentativa de querer ver mais do que existia em mensagens ocultas na musica no cinema. No caso de RODA VIVA e claro que tinha alguma coisa de desabafo pessoal mas era só isso. Chico Buarque

MPB4 Hoje como em 1967 a gente continua de certa forma com o mesmo objetivo: fazer sucesso. Cantar coisas que as pessoas vão gostar de ouvir e vão aplaudir.
NANA CAYMMI Hoje as pessoas se baseiam somente na inspiração para compor. Nãos se baseiam também no estudo da musica. Chega um momento em que o cara não sabe o que fazer o que tocar.
No ano de 1968 Caetano e Gil foram encarcerados e constrangidos publicamente pelos militares. No ano seguinte exilaram se em Londres. Terminava assim a trajetória  de Caetano na era dos festivais.
Não fiz analise psicanálise mas fiz outros tipos. Enfim a própria vida os filhos, a morte de um filho, os casamentos, os atares, e desatares, os quereres, os fazeres, e desfazeres. Tudo me deu mais e mais. Como e que eu podia dizer? Mas me deu mais paciência coma vida com as coisas me deu mais capacidade de tolerar, de viver as dificuldades de uma forma mais integra com a minha integralidade com o meu ser inteiro e não aquele tão dividido que eu tinha quando e Ra jovem. Hoje tenho coragem de dizer que não tenho medo da morte em uma musica. E ao mesmo tempo de dizer que também tenho medo da morte. Gilberto Gil

SERGIO RICARDO Sou uma pessoa grata. Por viver num pais como este que me deu um manancial cultural maravilhoso para que eu pudesse elaborar em cima. Só isso já valeu por tudo. Se eu tivesse nascido em um lugar árido sem cultura onde eu precisasse inventar uma teria sido uma barra.

EDU LOBO Tem muita gente que ganhou e sumiu depois. Você ganha em um momento, é uma exposição boa para você, as pessoas o reconhecem, mas o que vai determinar sua vida é o que você faz com ela depois. Com a vida inteira.

MARILIA MEDALHA Fiquei vendo a juventude das pessoas dos artistas a minha juventude a dos colegas. Todo mundo muito tímido sem dinheiro muito imaturo ainda, em matéria de palco, andar, no caminhar. Mesmo assim nos tivemos muita coragem, fomos muito caras de pau mesmo para entrar no palco assim com toda esta juventude e essa inexperiência

CAPINAN. Ainda mais na década de 1960 em que não havia esta estima, esse afago a figura do poeta,. E era uma coisa que eu queria ser( capinan começa a chorar)
NELSON MOTA em 1967 eram as pessoas certas na hora certa, no lugar certo.Ficou o fato de esse festival ser considerado o festival dos festivais. Porque reuniu as melhores musicas, os melhores compositores. Ficou para mim um orgulho de ter participado dele de ter perdido para gente tão boa”
CHICO DE ASSIS A arte só e boa quando as pessoas buscam na para estar com o artista então hoje em di a não existe isso muito de estar coma  gente. Tem muito pouco.
JULIO MEDAGLIA Como dizia Dante Alighieri nem sempre o arco pode ser mantido teso o tempo todo. A ditadura só ajudou. Deus me livre que volte pelo amor de deus. Mas quando as pessoas se sentiram pressionadas por um poder ditatorial elas reagiram com a criatividade. Quanto mais se pressionou mais se criou.
Esta ai como herança nossa essa gente toda. Realmente são anos que o pessoal diz que são d e chumbo mas em alguns momentos foram anos de ouro. FERREIRA GULLAR












sábado, 13 de dezembro de 2014

 

Terço com Pedro Siqueira no Rio de Janeiro Na Igreja de São Tiago dia 8 de dezembro de 2014



Fiquei emocionada com o terço de Pedro Siqueira No Rio de Janeiro.  Fui com minha irmã e uma amiga. A primeira coisa que disse foi para chamar o nosso  anjo  de guarda  e que  todo ser humano tem vai  passar por tribulações. Temos a opção de passar com Deus ou sem Deus. Ele brincou que  deveríamos escolher com Deus pois de qualquer maneira iriamos ter tribulações.
Descreveu como estava Nossa Senhora da Conceição. Com uma coroa, de veste branca e manto azul no meio da multidão.
Contou que no seu lado esquerdo estava Santa Rita.
Começou o terço rezando o mistério Glorioso. No primeiro mistério contemplamos  a Ressurreição de Jesus   Cristo. Neste mistério Pedro rezou para cada anjo e arcanjo. E antes de iniciar ele rezou uma linda oração que eu não conhecia. 
No segundo mistério contemplamos a Ascensão de Jesus  Cristo ao céu.  Neste mistério ele disse que santa Rita estava ao seu lado e enviou alguns recados.  Foi citando o nome de diversas moças que queriam se casar. Que elas escolhessem  pedindo a intercessão  de seus anjos.
No terceiro mistério  a vinda do Espirito Santo sobre os Apóstolos  Rezou um capitulo da Bíblia e em cada versículo parava pra rezar as Ave  Marias. Pedro também tem o dom da Língua.
No Quarto Mistério  contemplamos a Assunção de Maria ao céu. Disse que nossa Senhora lhe estava dizendo  para rezarmos  para os padres de Nossa Paroquia.
Aconselhou a um jovem a ter paciência para seus sofrimentos  porque o que estava acontecendo com ele era para que não ficasse em cima do muro.
Pediu para as crianças fazer a primeira Eucaristia.
Para os jovens  fazer a crisma. Que Nossa Senhora os fortaleceria nos momentos de incerteza.
Contou para uma mãe que era fato que o filho estava faltando as aulas, mas que ela colocasse na catequese que el ia para o bom caminho.
Disse para que cada um fizesse caridade  que Nossa Senhora os recompensaria.
Pediu para as Famílias cristãs casadas na Igreja Católica rezassem o terço
No quinto mistério contemplamos  a coroação de Nossa  Senhora como Rainha do céu.
Avisou ao Pároco da Igreja de São Tiago, Padre  Geraldo que Nossa Senhora pediu a ele que convocasse todo dia 22 a comunidade para rezarem o terço e distribuir rosas. Que ele teria ajuda de senhoras devotas de Nossa Senhora.
Pediu para confessarem pois havia pessoas que naos e confessavam a 23 anos.
Citou que havia pessoas doentes da alma , que esta cura era a mais difícil mas que confiassem em Deus verdadeiramente  
Disse para rezarem por ele, pois apesar de aparentar jovialidade, estava cansado. 
Estava presente o FREI seu diretor espiritual
Cantou  musicas lindas  no intervalo de cada dezena de Ave Maria.

O que me deixou sem palavras é que percebi claramente que Pedro estava com os anjos, com Nossa Senhora e com os santos. Seu olhar era um olhar  maravilhoso. Um olhar de FÈ . Um olhar  onde podíamos vislumbrar a certeza de que Deus existe.
Vale a pena rezar com ele!
Vale a pena rezar por ele!
Vale a pena rezar por nossos amigos, benfeitores , primos , primas !
Vale a pena rezar pelos nossos pais!
Vale a pena rezar pelas almas!


 OBS: Vou colocar uma entrevista de PEDRO Siqueira para vocês o conhecerem!

Hoje, às 19h, será realizada na Paróquia Nossa Senhora da Conceição, na Gávea, a Missa da Cura, com participação do advogado Pedro Siqueira. Autor do livro “Senhora das águas”, Pedro se tornou conhecido pelo que ele denomina de dom do Espírito Santo. Segundo Pedro, durante as reuniões do terço, ele recebe e transmite mensagens de Nossa Senhora. Durante a missa, os devotos podem levar água e sal, que o padre fará a bênção. Professor de Direito, casado e à espera do primeiro herdeiro com a mulher, Pedro lembra um pouco de sua história nos trechos abaixo:
"Esses sinais e visões são antigos. É natural. Sou só um servo. Uma pessoa normal que tem uma função aqui"
"Deus é sutil. Ele não arromba a porta. Se você quiser, Ele está esperando por você. Ele não vai te empurrar nem te puxar pela mão. Mas Deus está olhando para cada um com o maior amor"
"Começamos há 20 anos na casa da minha mãe. Não cabia mais ninguém. Pedimos ao Frei Antonio Moreno, um homem calado, mas aberto a novas idéias, um espaço na igreja Santa Mônica. Comecei com 22 anos e fui até três anos atrás. Ele abriu um salão no segundo andar. Também não comportou. Fomos para o salão paroquial e também ficou apertado. Foi quando ele nos abriu a nave central da igreja".
"Nossa Senhora me fala em momentos diferentes, não há uma metodologia (sorri). Ela me fala quando estou andando na rua, ou se estiver dormindo. Às vezes, só vejo uma sua luz e a voz vem no coração, muito clara. O anjo também me fala em diferentes momentos. Na adolescência, eu o vi como vejo você, andando na praia. Ele cruzou na minha frente. Ele se parece com a descrição que fiz no livro, quando a personagem central vê o anjo".
"A voz dele vem na minha cabeça. A de Nossa Senhora, no coração. A voz dele toca meus ouvidos profundamente, é mais intensa do que a audição humana, difícil de explicar, não se parece com a voz humana"
"É como se fosse um rádio. Consigo acessar rapidamente. São vinte anos. Eu sintonizo na freqüência e a igreja muda. A luz dourada começa a descer. A atmosfera pode ser sentida, ela passa por mim e atinge as pessoas na assistência. É como uma sintonia. Eu sou um mecanismo de amplificação e posso dizer que as pessoas sentem esse fenômeno fisicamente"
“É difícil. Muita gente sofrida vem aqui. Reza, pede a cura, mas nem todos serão curados. Deus quer que cada um aprenda de um modo. Ele nos ama a todos, mas para cada um ele tem uma pedagogia diferente. Temos uma visão pequena da vida, queremos a realização do nosso desejo. No Pai Nosso dizemos "que seja feita a vossa vontade". É a vontade do Pai, não a nossa".
"O que Deus não gosta é que a gente se acomode. Quando você fica em um estado de preguiça, acomodado, pode acreditar que algo vai acontecer"
"Para nos comunicar com Nossa Senhora, é importante resgatar o silêncio. Ajoelhe-se diante do Santíssimo, feche os olhos, faça silêncio diante daquela luz. Dentro de você, você vai saber o que fazer. Calar é importante. Como você vai ouvir a voz do Senhor se pede aos berros? O terço é uma oração de silêncio e transe. Conforme se reza a Ave Maria, vai se entrando em um estado de meditação enorme. E nesse momento você se abre para receber a mensagem".
"Estou diferente. Sou um produto em mutação de forma radical e acelerada. Não é como era, tenho estado diferente. O futuro depende do outro lado, eu estou de peito aberto e disponível".
"Durante o terço, senti um cheiro muito forte. Pensei que eram flores no altar, que teria alergia. Mas não havia rosas no altar. Estava curioso. Perguntei ao anjo o que eram, até que vi rosas de luz se formarem e pousarem sobre as cabeças das pessoas na assistência. Eram as graças que estavam recebendo. Durante a missa, também sinto perfume de rosas e aroma de vinho".
"Procuro manter uma disciplina. Rezo todos os dias quando acordo. Quando passeio com meu poodle minitoy, Yoshi (nome de um samurai de uma aventura de James Clavell), rezo o terço. Sou advogado, dou aulas e pratico esportes (kung fu, jiu-jitsu). Tenho uma vida normal. Sou casado e meu primeiro filho nasce em setembro. Vou viajar agora a Fátima porque depois que ele nascer passarei um tempo sem poder ir"
"Quando era mais jovem, não tinha muita paciência para meu dom. Uma mulher me procurou perguntando se iria se reconciliar com o marido. Era ex-marido, eu lhe disse. Ela assentiu. E ficou insistindo. Na hora, eu vi o homem morrendo de um ataque cardíaco subitamente. E lhe disse. Não adianta, ele vai morrer. Ela não acreditou, ele só tinha 40 anos. Na semana seguinte, estava morto. Ela ficou aterrada e eu aprendi. Não deveria ter-lhe dito".
"Meu diretor espiritual é o Frei João. Quando ele chegou à igreja, eu era um garoto. Ele não me deu bola, havia pessoas com problemas muito mais importantes do que os meus. Mas eu tinha pedido um diretor espiritual, e quando ouvi sua homilia, sabia que era ele. Maria do Rosário uma senhora com dons me incentivou a ir até ele. Pensei que teria que provar a ele meus dons porque não acreditaria. Em confissão, eu lhe disse que naquele mês um de seus frades seria bispo. E aconteceu. Um dia, na comunhão, ele me mandou procurá-lo mais tarde. Tinha tido a notícia. Nós costumamos viajar nas férias. Principalmente caminhar pelo bosque de Fátima. Lá vimos o milagre do sol. Ele muda de cor, gira e corre o céu. É um lugar onde não preciso sintonizar para ver e ouvir. É fora do comum".
"A renovação carismática católica abriu uma porta para que pessoas como eu pudessem aparecer. Esses fenômenos e dons passaram a ser bem aceitos depois da década de 80. Isso ajudou bastante. Padre Jonas e Dom Cipriano Chagas que tiveram coragem. Eu não enfrentei nada demais. A igreja é cautelosa e tem que investigar. Os olhos me observam sempre. Mas até hoje esteve tudo bem".
"Ouço São Francisco, Santo Antonio, Santa Rita, Santa Teresa. São Pedro costuma me aparecer. Se minha vida é mais interessante do que a dos outros? (ri) Eles me cobram..."
"Quando tinha sete anos tive um tumor que comeu a minha tíbia. Depois tive outros dois. O último foi na cabeça. Durante a operação, eu conversava com o médico. O primeiro foi muito sofrido, eu não podia jogar bola como outros meninos. Minha mãe ficou tão nervosa que me mandou para a casa da minha avó. Ela rezava muito comigo. Meu avô tinha os mesmos dons. Lá, eu me sentia seguro porque meu avô era mais forte. Se ele via o que eu via, também poderia me proteger. Eu não sei se ele tinha mesmo, mas aparentava total controle e me dava toda segurança"






sexta-feira, 21 de novembro de 2014

 

Livro Clarice biografia feita por Benjamin Moser


Eu li este livro realizado por Benjamim , muito devagar copiando cada capitulo  as idéias de Clarice Lispector . Ele é um livro histórico, mostra  a história de vida de Clarice nos anos em que o Brasil sofria uma ditadura. Mas deixo aqui algumas frases que me marcaram. Começo por citar em primeiro lugar o motivo pelo qual gostei de ler este livro:
 Na pág  413  esta escrito: Tudo era novo  nova bossa nova  de  João Gilberto  e Tom Jobim.  O cinema novo , o primeiro filme  Rio 40 graus  1963- . E a nova capital  a ultramoderna  Brasília sendo  erguida no remoto  planalto central . Depois de um mês hospedada  com Tânia encontrou um apartamento  no LEME  onde passaria o resto de sua vida.   MESMO ENDEREÇO QUE PAPAI Afrânio E MAMAE  Maria Alice MORAVAM NO LEME. Rua General Ribeiro da Costa sétimo andar  UM DIA PAPAI A AJUDOU A CONSERTAR O PNEU DE SEU CARRO E DAÍ POR  DIANTE SEMPRE  Clarice  CUMPRIMENTAVA  OS DOIS.
                                          Criava as mais falsas dificuldades  para aquela coisa clandestina  que era a felicidade  A felicidade sempre era  clandestina para mim.
Temos fome  de saber de nós  e  grande urgência  porque estamos precisando  de nós mesmos  mais do que dos outros .
E preciso saber sentir , mas também saber  como  deixar de sentir  porque se a experiência  é sublime  pode tornar se igualmente perigosa.
Escrevo para mim mesma  para ouvir minha alma  falando e cantando  as vezes chorando .
Respeite a você  mais do que aos outros , respeite suas exigências. Respeite mesmo o que é ruim  em você.  Respeite sobretudo  o que você imagina  que é ruim  em você .Pelo amor de Deus   não queira fazer de você  uma pessoa perfeita . Não copie uma pessoa ideal . Copie você mesma  é isso o único meio de viver.
Nasci para amar os  outros, nasci para escrever  e nasci para criar meus filhos.
Mas sobreviver não é bom, Creia me . É um não saber  o que fazer de si mesma.
  Sai de lá disposta a não me preocupar  com coisas pequenas  já que atrás de mim  havia tantos e tantos anos.  Procure não levar certos problemas tão a sérios  escreveu CLARICE  com inabitual despreocupação
Tentei reconstruir  minha casa  reconstruir meus filhos  e a mim não consegui. Escrevo como se fosse para salvar a vida de alguém  ela anotou pouco  antes de morrer. Provavelmente minha própria vida !
NO exterior  disse Clarice eu vivia  mentalmente  no Brasil vivia  emprestada. Simplesmente porque gosto de  viver no Brasil  . O Brasil é o único lugar do mundo  em que não  me pergunto assombrada :  afinal de contas o que  é que estou  fazendo aqui,  por que estou aqui  meu Deus.  Porque é aqui mesmo  que tenho  que estar que estou enraizada .
.O bom é ser aceita como um todo  começando até nos defeitos  nas coisas pequenas  para depois chegar  as de maior importância.
Viver não é coragem  saber que se vive é Coragem . E vou dizer  que na minha  fotografia eu via o mistério ;
 Se Deus é nada , Deus é também tudo : a vida.  Essa é uma definição judaica  Deus é tudo e nada , a união de todas as coisas  do mundo e seu oposto . Deus é o que existe  e todos os contraditórios  são dentro de Deus  e por isso  o contradiz.
Mesmo antes de sentir arte senti a beleza profunda do luto.
 Depois de citar de cor  longas passagens  dos livros dela, GUIMARÂES ROSA  disse uma coisa  que jamais esquecerei tão feliz me senti  na hora disse:  que me lia,  não para a literatura mas para a vida.
Não quero mais gostar de ninguém porque dói. Não suporto mais nenhuma morte  de ninguém que me é caro. Meu mundo é feito de pessoas  que são  minhas e eu não posso  perdê- las sem me perder
Estou escrevendo porque não sei  o que fazer de mim. Quer dizer não sei o que fazer de meu espírito. Meu ideal, escreveu; seria pintar um quadro de um quadro.
ZIRALDO entrevistando a pediu  que lhe descrevesse o que é um amigo . Uma pessoa que me veja como eu sou, Que não me mistifique . Que me permita ser humilde , Te incomoda ser tratada  como uma pessoa ilustre?  Muito elogio é como botar  água demais  na flor.  Ela apodrece.  Ziraldo Assusta? Clarice MORRE
CLARICE LISPECTOR não pode ser enterrada no dia seguinte o dia de seu aniversario de 57 anos porque caiu no SHABAT. Em 11 de dezembro de 1977 no cemitério israelita do Caju foi sepultada com ritual ortodoxo. Cuidar para não morrer.  No entanto eu já estou no futuro. Esse meu  futuro que será para vos  o passado de um morto . Que a paz esteja  entre nó,s  entre vós e entre mim.  Eu escrevo e assim  me livro de mim  e posso então descansar.  CLARICE LISPECTOR  1920-1977
OBS: Assustei- me por  perceber que desde agosto não escrevo. Foi porque o blog custa a abrir, tem que escrever mais lentamente, se bem que poucas vezes fiz rascunho para escrever.  Estou achando mais fácil o face que é só curtir e comentar. Mas vocês sempre serão meus amigos especiais. Todos vocês! Muito obrigada por ainda  se lembrarem de mim.  Meu aniversario foi dia 6 de novembro. Ainda tem tempo de rezarem por mim! Com carinho Monica



sábado, 23 de agosto de 2014

 

DELICADEZAS DE DEUS- SUGESTÃO DE ROSELIA BEZERRA

ROSELIA BEZERRA Delicadezas de  Deus
ROSELIA, recebi seu email justamente no dia  em que  comemoramos o dia do padre através do santo Cura D’Ars. São João Maria Vianney que dedicou 40  anos de sua vida sacerdotal
realizando confissões.
Pensando nos sacerdotes que são consagrados com padres para servir a Cristo e nos encantar com a PRIMEIRA e maior delicadeza de DEUS: a EUCARISTIA.
 Deus  nos deixou Jesus Ressuscitado na Eucaristia  através do MILAGRE  da CONSAGRAÇÃO onde Cristo nos dá como alimento para podermos ser transformados em seus seguidores.
Observando o céu de  sua cidade me emociono com outras delicadezas de Deus: O ENCONTRO DIARIO COM O NOSSO PROXIMO. Deus nos coloca perto de pessoas para assim podermos ter uma troca de solidariedade , de caridade , de fraternidade e de amor .
Quando aprendemos a conviver  observando os MANDAMENTOS de DEUS ,temos a certeza de que são eles os sinais de que DEUS quer que formemos uma FAMILIA de CRISTÂOS.
Cada mandamento mostra que DEUS nos  deixa  livre para optar:
1).Amar a Deus sobre todas as coisas
2) Não tomar seu santo nome em vão
3) Guardar os domingos e festas de guarda
4)Honrar pai e mãe
5\0 Não matar
6) Não pecar contra a castidade
7)Não furtar
8) Não levantar falso testemunho
9 ) Não desejar a mulher do próximo
10) Não cobiças as coisas alheias
Lendo pousadamente cada um destes sinais podemos afirmar que Deus nos conhece. SE soubermos seguir estas DELICADEZAS que Deus nos deixou o MUNDO seria FRATERNO e sem guerras e sem perigos.
Mas como podemos ser assim? Somente com a ORAÇÂO e assim que fizermos ,mal para algum dos FILHOS de DEUS procuramos nos CONFESSAR.
Então! Mãos a OBRA! Olhe o céu e peça pra Deus nos guiar neste mundo que Ele fez para Nós

ROselia não sei se é isto que você quer.
Pode modificar  e alterar.
O link eu sou custosa pra entender.
Toda vez que entro no meu blog coloco no Google
Moniquinhaquinquinha e já sai direto
Parabens pelos seus 5 anos.
Eu acho que tenho este tempo também, mas ando ocupada com mamãe que tem 83 anos e precisa de cuidados.
Espero que sua tia esteja melhor.
Com carinho Monica

 obs: Estive adoentada em BH com uma gripe muito forte. Não pude colocar dia 22 de agosto pois estava  sem computador .
Desejo que gostem ! E simples como eu!








terça-feira, 12 de agosto de 2014

 

livro a culpa é das estrêlas

 Vejam o resumo do livro A culpa é das estrêlas :
Hazel  uma paciente terminal. Ainda que por milagre  da medicina seu tumor tenha encolhido bastante, o  que lhe da promessa de viver mais alguns anos  o ultimo capitulo  de sua historia foi escrito no momento do diagnostico. Mas em todo bom enredo ha uma reviravolta  a  de Hazel se  chama Agustus Waters. Um garoto bonito que certo dia aparece  no Grupo de apoio  a crianças com câncer . Juntos os dois vão preencher o pequeno infinito das paginas em branco de suas vidas.

 No livro existe uma linda comparação sobre o amor na matemática vejam!
Não posso falar da nossa historia de amor então vou falar de matemática.
Não sou formada em matemática mas sei de uma coisa: existe uma quantidade infinita de números entre 0 e 1. Tem o 0.1 e o 0.12 e o 0.112 e uma infinidade de outros entre o 0 e o 1 milhão. Alguns infinitos são maiores que os outros. Um escritor de quem costumávamos gostar nos ensinou isso. Há dias, muitos deles, em que fico zangada  com o tamanho do meu conjunto ilimitado. Queria mais números do que provavelmente vou ter  e por Deus queria mais números para o Augustus do que os que ele teve, Mas Gus meu amor você não imagina o tamanho da minha gratidão pelo nosso pequeno infinito. Eu não o trocaria por nada deste mundo. Você me deu uma eternidade dentro de nossos dias numerados e sou muito grata por isso

Em outra parte o autor compara o amor com sabedoria:
Pensei no meus pais dizendo que o universo quer ser notado. Mas o que nos queremos e ser notado pelo universo fazer com que o universo dê alguma bola para o que acontece com a gente não a idéia coletiva de vida senciente mas cada um de nos como indivíduos.

 O autor descobre até uma santa Antonieta. Vejam !
Enquanto a Santa Antonieta de seis anos na beira da morte por causa do câncer agonizante disse para o pai: A dor é como um tecido. Quanto mais forte mais valioso.


Frases que me marcaram!
Escreva outro livro. Faça aquilo no qual você é  bom. Nem todo mundo tem essa sorte de ser
bom em alguma coisa.

Os verdadeiros heróis no fim das contas não são as pessoas que realizam certas coisas. Os cientista não inventou nada na verdade. Ele só reparou que as pessoas que tinham varíola bovina não pegavam varíola.
 Eu gostei muito do livro . Por enquanto  não quero assistir ao filme . Quero ter  os meus próprios autores na tela do meu cérebro. Depois vou ver o filme que milhares de adolescentes gostaram.
Quem será que leu o livro?










This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Assinar Postagens [Atom]