segunda-feira, 1 de março de 2010

 

Campos do Jordão SP




Um pouco de história sobre Campos do Jordão.
Cantada como a Suiça Brasileira pelo seu clima inigualável, e reverenciada como o Altar da Solidariedade Humana pela cura de milhares de brasileiros que, recuperados de doenças pulmonares, retornaram sadios aos seus lares, em todos os quadrantes do País, Campos do Jordao tornou-se a mais importante estância climática do Brasil.

Além de sua famosa malharia - conhecida no mundo todo -, o seu chocolate caseiro, seus doces e compotas, até mesmo as resinas de seus vastos e magestosos pinheirais são industrializadas e suas águas minerais, captadas através dos mais elevados padrões de técnica e higiene, correm das fontes mais puras do planeta. A sua maior matéria-prima, porém, é aquela que exporta, generosamente, sem retorno de divisas: a saúde.

Jamais a cobiça do ouro, no passado, poderia sugerir a Oyaguara e a Inácio Caetano que a riqueza não estava nas Minas Gerais, mas se achava aqui mesmo, no Alto da Mantiqueira, a 1700m, acima das poluições, na abençoada e formosa Campos do Jordão. Por isso cisma o poeta em sua lira: Não sabiam os pobres viajantes que o tesouro, de ouro não era não! Nem de esmeraldas, nem de diamantes, o tesouro era Campos do Jordão.

Em 2005, também fugindo do carnaval fomos passear em Campos do Jordão.
Mamae. Minhas tias: Elisabeth e Lourdinha . Andrea, Marilia e eu.
Foi um passeio muito gostoso! Além da malharias que até bem pouco tempo ainda tinha porque elas não acabam.O interessante é que é sempre frio e o chocolate quente é espetacular!
Ficamos em um hotel delicioso. A comida e os doces nem se fala de tão saborosos.
E os bombons que a gente trouxe? Tudo é válido, além de ir só para apreciar a natureza e trazer os bombons já valeu a viagem.
Já está passando da hora de voltar a esta cidade tão acolhedora.

Mas antes tenho que mostrar a gente em um barsinho toamndo chocolate quente: minhas tias, mamae e eu!

Comentários:
Campos do Jordão é uma cidade linda né? Lembro até hoje que sempre íamos na época em que floresciam as cerejeiras... e também uma vez fui aos concertos famososw da cidade.
Linda postagem!
 
Olá Mônica ,

Foi um prazer te conhecer pela "internet", sei que agora ganhei uma nova amiga e já conhecida aqui da terrinha. Vou hoje mesmo falar pra Tia Ilza de você. Vi suas fotos no seu blog e temos alguns amigos em comum. A Rosangêla, a Nenéia... pois é agora que você tem o meu email : analisa@mginet.com.br , vai ficar fácil a gente se comunicar. *Estou adorando ler o seu blog.

Um grande abraço, Analisa.
 
Mônica, para variar sempre com uma história sobre os lugares por que frequenta. Além das deliciosas histórias de suas viagens com sua família.
Acredita que sou paulista e nunca fui a Campos de Jordão?
Pois é, mas é um dos lugares que pretendo ir logo logo.
Beijos
 
Mônica, meus irmãos moram em Campos e passei uns dias das minhas últimas férias lá! Pesquei muito no Parque dos lagos, além de subir no pico do Itapeva e de lá saltar! (rs*) Nem te conto o que mais fiz em Campos! Vai pensar que sou louca! Se quiser saber, tenho algumas postagens antigas de outras idas, só colocar no search! :=))) Adoro tudo que a cidade oferece!! Beijus,
 
Fui várias vezes e adoro Campos do Jordão. Nos últimos anos não tenho ido porque lá é legal no inverno e eu já passo tanto frio aqui, quando estou no Brasil pelo menos, não quero passar frio. rsrs.
bj
 
Essa é mesmo uma cidade mágica, Mônica!
E mamãe, como está?

Beijos pra vcs duas!
 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]





<< Página inicial

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Assinar Postagens [Atom]